Fenaban eleva proposta para 7,5%. Negociações continuam - Sindicato dos Bancários de Itabuna e Região
Home » Notícias » Fenaban eleva proposta para 7,5%. Negociações continuam
Em 11/10/2010

Fenaban eleva proposta para 7,5%. Negociações continuam

Fenaban eleva proposta para 7,5%. Negociações continuam

A Fenaban apresentou ao Comando Nacional dos Bancários na manhã desta segunda-feira 11, no 13° dia da greve nacional da categoria, uma nova proposta que inclui índice de reajuste de 7,5% (o que representa aumento real de 3,1%) para quem ganha até R$ 5.250. Para salários superiores, a proposta prevê um fixo de R$ 393,75 ou reajuste de 4,29% (inflação do período) - o que for maior.

Conforme a Fenaban, considera-se remuneração fixa mensal o somatório do salário base e verbas fixas de natureza salarial, excluindo o ATS - Adicional por Tempo de Serviço (anuênio).

A proposta também melhora a PLR e valoriza o piso salarial (veja abaixo). A negociação foi interrompida para almoço. À tarde, o Comando Nacional retoma tanto as negociações gerais com a Fenaban quanto sobre as reivindicações específicas com o Banco do Brasil e com a Caixa. Ao final das negociações, o Comando se reunirá para avaliar as propostas dos bancos e definir orientações para as assembleias da quarta-feira em todo o país.

"Esses avanços na proposta dos bancos são resultado direto da força da greve nacional dos bancários, principalmente nos bancos privados", avalia Carlos Cordeiro, presidente da Contraf e coordenador do Comando Nacional dos Bancários.

A nova proposta da Fenaban

Reajuste salarial: 7,5%.

Reajuste para salários acima de R$ 5.250: R$ 393,75 fixos, garantindo o mínimo da inflação do período, de 4,29%.

Novos pisos salariais:
- Portaria: R$ 870,84 (era de 748,59).
- Escritório: R$ 1.250,00 (era de 1.074,46).
- Caixa: R$ 1.250,00 (era de 1.074,46).

PLR:
- Regra básica: 90% do salário mais R$ 1.100,80, com teto de R$ 7.181.
- Parcela adicional de 2% do lucro líquido distribuídos linearmente, com teto de R$ 2.400,00.
- Isso significa que na regra básica o reajuste é de 7,5% e na parcela adicional de 14,28%.

Gratificação de caixa: R$ 311,67.

Outras verbas de caixa após 90 dias: R$ 147,38.

Adicional tempo de serviço: R$ 17,83.

Gratificação de compensador de cheques: R$ 101,56.

Auxílio-refeição: R$ 18,15.

Auxílio-cesta alimentação: R$ 311,08.

13ª cesta-alimentação: 311,08.

Auxílio-creche/babá: R$ 261,33 (até 71 meses).

Auxílio-funeral: R$ 599,61.

Ajuda deslocamento noturno: R$ 62,59.

Indenização por morte/incapacidade decorrente de assalto: R$ 89.413,79.

Requalificação profissional: R$ 893,63

Porém, as negociações continuam. Seguindo orientação do Comando Nacional e da Federação dos Bancários o movimento continua na quarta-feira, dia 13 de outubro, e os sindicatos devem convocar assembleia geral para a próxima quarta-feira, às 18 horas, para avaliação de propostas.

CONVOCAÇÃO:

O SINDICATO DOS BANCÁRIOS DE ITABUNA E REGIÃO, convoca todos os bancários para assembleia geral extraordinária, nesta quarta-feira, às 18 horas, no auditório do Sindicato dos Comerciários de Itabuna, Avenida do Cinquentenário, 4º andar, em cima da Casa do Estudante.

Pauta:

Informes da Campanha Salarial e;

Avaliação de propostas feita pela FENABAN.

PARTICIPE!



Desenvolvido por Porttal Webdesign

Topo