Bahia se destaca durante a paralisação - Sindicato dos Bancários de Itabuna e Região
  • »
Home » Notícias » Bahia se destaca durante a paralisação
Em 14/10/2013

Bahia se destaca durante a paralisação

Bahia se destaca durante a paralisação Como nos anos anteriores, os bancários da Bahia mostraram durante a greve deste ano que quando o assunto é combatividade, o Estado é exemplo. Já no primeiro dia de paralisação, 19 de setembro, o alto índice de adesão mostrava que o movimento ia ser forte. 
 

No primeiro dia em que os bancários cruzaram os braços, na Bahia, 543 agências ficaram sem atendimento. Número bastante superior ao registrado em 2012, de 380. A cada dia, a greve só se fortalecia e mais trabalhadores tomavam consciência de que só a radicalização era capaz de sensibilizar os banqueiros. 
 
Em 15 dias de greve, as unidades fechadas já somavam 827. O silêncio da Fenaban (Federação Nacional dos Bancos), que só marcou a primeira rodada de negociação no 16º dia de movimento, encorajou ainda mais a categoria. Na ocasião, a federação ofereceu apenas 7,1% de reajuste salarial, sumariamente negado pelo Comando Nacional.
 
Quando foram completados 20 dias de paralisação, 837 unidades estavam de portas trancadas. Enquanto a intransigência da Fenaban persistia, os bancários da Bahia continuavam firmes. O Sindicato, inclusive, realizou passeatas e protestos para chamar a atenção da sociedade sobre a necessidade de atendimento da pauta da categoria. 
 
“Tivemos uma expansão da greve no Estado. A paralisação foi bem mais forte do que a do ano passado. Os bancários se empenharam e foi por causa da grande mobilização que conseguimos arrancar um reajuste salarial de 8%”, afirma o presidente do SBBA, Euclides Fagundes. 
 
Nos privados e no Banco do Brasil, a greve só chegou ao fim na última sexta-feira (11/10) dia, 23º dia, quando foram aceitas as propostas da Fenaban e da instituição financeira. A Caixa e o BNB continuam em paralisação. Mais tarde, às 18h30, tem assembleia no Ginásio de Esporte, ladeira dos Aflitos, para avaliar o movimento.

Desenvolvido por Porttal Webdesign

Topo