Bancários param 613 agências na Bahia - Sindicato dos Bancários de Itabuna e Região
  • »
Home » Notícias » Bancários param 613 agências na Bahia
Em 23/09/2013

Bancários param 613 agências na Bahia

Bancários param 613 agências na Bahia

A categoria bancária mostra porque é uma das mais organizadas do movimento sindical. No segundo dia de greve, sexta-feira (20/09), 613 agências de bancos públicos e privados foram fechadas no Estado.

Os funcionários dos bancos privados, mesmo com todo o assédio e terrorismo, não se intimidaram e foram responsáveis pelo fechamento de 254 agências. No Bradesco, 106 unidades pararam. Em seguida surgem Itaú (76), Santander (44), HSBC (19), Citibank (3), Mercantil (2) e Safra (2).

Os bancos estatais, como já é de costume, se destacam e ajudam a aumentar a lista de unidades sem atendimento, ao todo 359. Banco do Brasil lidera com 198 agências fechadas. Caixa e BNB têm 124 e 37, respectivamente. A Desenbahia também está na greve.

No Brasil, o número de unidades sem atendimento subiu para 7.282. O crescimento é de 18,5% em relação a quinta-feira (19/09), quando 6.145 agências ficaram fechadas.

O número de adesão, bastante superior ao do ano passado, confirma que a categoria não está de brincadeira e entende que a paralisação por tempo indeterminado é a última instância para sensibilizar os bancários.

Até o momento, a Fenaban (Federação Nacional dos Bancos) não se pronunciou. A última comunicação entre Comando Nacional e banqueiros aconteceu no último dia 5, quando foi oferecido reajuste salarial de 6,1%. Índice bastante distante do reivindicado, de 11,93%, que prevê a reposição da inflação mais aumento de real de 5%.

FEEB-BA


Desenvolvido por Porttal Webdesign

Topo