Comissão Interamericana de Direitos Humanos exige proteção a indígenas - Sindicato dos Bancários de Itabuna e Região
  • »
Home » Notícias » Comissão Interamericana de Direitos Humanos exige proteção a indígenas
Em 21/07/2020

Comissão Interamericana de Direitos Humanos exige proteção a indígenas

Após decisão cautelar do STF em acolhimento a uma ação da Articulação dos Povos Indígenas do Brasil (Apib), com apoio de seis partidos políticos, comissão da OEA também se manifesta contra omissão federal, aumentando críticas internacionais ao Governo Bolsonaro

Povos indígenas da Amazônia

A Comissão Interamericana de Direitos Humanos da Organização dos Estados Americanos (OEA) divulgou a Resolução 35/2020 em que expõe a situação dramática de povos indígenas de Roraima, exigindo medidas protetivas a Yanomamis e Ye´kwana contra a covid-19 que avança sobre o território pela invasão de garimpeiros e outros agentes vetores.

Esta decisão da CIDH/OEA contribui para o aumento do isolamento político do atual governo federal em âmbito internacional e reforça a Decisão Cautelar concedida pelo Ministro Luís Roberto Barroso, na ADPF 709, na qual o PCdoB figura como um dos autores, pela Articulação dos Povos Indígenas do Brasil (Apib) com PSB, PSol, Rede, PT e PDT.

A Medida Cautelar No. 563-20 da CIDH/OEA foi mobilizada pela Hutukara Associação Yanomami e pelo Conselho Nacional de Direitos Humano em 16 de junho, com resolução em resposta emitida nesta sexta-feira (17 de julho). (Portal Vermelho)


Desenvolvido por Porttal Webdesign

Topo