Comando cobra o fim dos abusos da Caixa no processo de reestruturação - Sindicato dos Bancários de Itabuna e Região
Home » Notícias » Comando cobra o fim dos abusos da Caixa no processo de reestruturação
Em 04/07/2019

Comando cobra o fim dos abusos da Caixa no processo de reestruturação

Comando cobra o fim dos abusos da Caixa no processo de reestruturação

O Comando dos Bancários cobrou da Caixa a suspensão da reestruturação promovida pelo banco que afeta mais de mil bancários de áreas meio em todo o país. A medida foi tomada unilateralmente, sem negociação com o movimento sindical, o que fere cláusula do Acordo Coletivo de Trabalho.

A Caixa alega que não está descumprindo o ACT, porque não considera uma reestruturação. “Na verdade, não é uma reestruturação. É pior. É uma desestruturação do banco público, pois a direção está esvaziando áreas estratégicas que envolvem conhecimento, e não está suprindo a falta de empregados das agências”, afirma Dionísio Reis, coordenador da Comissão Executiva dos Empregados (CEE/Caixa).

Os representantes dos empregados propuseram que antes de promover um processo arbitrário de reestruturação, a Caixa abra a possibilidade de os trabalhadores, de forma voluntária, se transferirem para as agências. A Caixa respondeu que tomará essa medida em uma eventual nova reestruturação.

A Caixa não se dispôs a resolver de forma geral os problemas e nem a suspender a reestruturação, e se dispôs a ver de forma pontual os descomissionamentos. Por isso, a confederação orienta os empregados da Caixa de todo o Brasil a procurarem seus sindicatos para denunciar possíveis abusos durante o processo de desestruturação do banco.

Desrespeito continua

O desrespeito da Caixa com os empregados ficou ainda mais claro nesta segunda-feira (1). O banco não enviou nenhum representante para a mediação com o Ministério Público do Trabalho que busca a suspenção da reestruturação.

Uma nova audiência foi marcada para o dia 8 de julho.

Fonte: Contraf


Desenvolvido por Porttal Webdesign

Topo