Setor bancário ainda discrimina as mulheres - Sindicato dos Bancários de Itabuna e Região
Home » Notícias » Setor bancário ainda discrimina as mulheres
Em 25/10/2018

Setor bancário ainda discrimina as mulheres

Setor bancário ainda discrimina as mulheres

A desigualdade de gênero na remuneração do trabalhador bancário é um fator antigo, que ainda está distante de mudar. Dados do Caged (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados) revelam que as mulheres ainda ganham menos do que os homens.

De janeiro a setembro, as 10.726 bancárias admitidas no setor entre janeiro e setembro ganham, em média, R$ 3.587,00, o que equivale a 73% da remuneração média dos 11.558 homens contratados em igual período. A remuneração deles é de R$ 4.907,00.

Na hora de deixar os bancos, a desigualdade persiste. As 11.900 mulheres dispensadas recebiam, em média, R$ 5.585,00. O valor equivale a 75% da remuneração média dos 12.125 homens (R$ 7.449,00) desligados. (SBBA)


Desenvolvido por Porttal Webdesign

Topo