Sem pena, bancos cortam 1.741 postos de trabalho - Sindicato dos Bancários de Itabuna e Região
Home » Notícias » Sem pena, bancos cortam 1.741 postos de trabalho
Em 25/10/2018

Sem pena, bancos cortam 1.741 postos de trabalho

Sem pena, bancos cortam 1.741 postos de trabalho

Não importa quanto lucrem, os bancos, que formam o setor que nem sequer foi atingido pela crise que assolou o país, cortaram 1.741 postos de trabalho de janeiro a setembro deste ano. 

De acordo com o Caged (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados) do Ministério do Trabalho, nos nove primeiros meses de 2018, foram 22.284 admissões e 24.025 desligamentos.

Os bancos múltiplos com carteira comercial, como o Itaú, Bradesco, Santander e Banco do Brasil, fecharam 870 postos no período. Já a Caixa extinguiu 1.021 vagas. Juntos, as cinco empresas empregam 90% dos bancários no país e lucraram R$ 41,9 bilhões apenas no primeiro semestre deste ano. A alta é de 17,8% em relação a idêntico período de 2017.

Rotatividade
Prova que a estratégia é gastar menos para lucrar ainda mais, os bancos encontram na rotatividade mais uma oportunidade de economizar. Como se precisassem.

De janeiro a setembro, os bancários contratados ganhavam, em média, R$ 4.272,00. Inferior ao salário médio de R$ 6.525,00 dos funcionários desligados. Ou seja, os admitidos receberam apenas 65% do que os dispensados ganharam. (SBBA)


Desenvolvido por Porttal Webdesign

Topo