The Economist confirma: bancos no Brasil têm lucro alto em qualquer situação - Sindicato dos Bancários de Itabuna e Região
Home » Notícias » The Economist confirma: bancos no Brasil têm lucro alto em qualquer situação
Em 15/08/2018

The Economist confirma: bancos no Brasil têm lucro alto em qualquer situação

The Economist confirma: bancos no Brasil têm lucro alto em qualquer situação

Artigo da revista britânica The Economist, uma das maiores publicações de economia do mundo, constata: o lucro dos bancos brasileiros se mantém alto independentemente da situação econômica do país, seja em momentos de crise ou de prosperidade.

O artigo observa que os bancos brasileiros mantiveram a alta lucratividade durante o período de hiperinflação da década de 1980 e início dos anos 1990, assim como no recente período de recessão econômica, de 2015 a 2016, e no atual, com a economia estagnada, de 2017 e 2018.

Analistas do mercado financeiro acreditavam que, com a queda da taxa básica de juros (Selic) os bancos seriam obrigados a baixar suas taxas e, com isso, haveria uma redução de lucros do setor.

Mas não foi o que ocorreu. A Selic caiu de 14,25% em outubro de 2016 para 6,5% ao ano atualmente, mas os bancos sempre inventam uma desculpa para manter suas taxas nas alturas. Além disso, eles agora passaram a ganhar mais também com as tarifas sobre serviços. Os lucros dos três maiores bancos privados do país continuam nas alturas.

Em 2017, os ganhos dos bancos com tarifas de serviços bancários aumentaram 10% na comparação com o ano anterior, somando R$ 126,4 bilhões. Os valores sobem tanto que a inflação de serviços bancários, em 2017, foi de 8,96%: três vezes maior que a geral, de 2,95% (IPCA/IBGE).

É preciso observar que a receita dos bancos com tarifas de serviços é secundária, já que eles ganham muito mais com outras operações. “Essa é uma receita ínfima para os bancos, mas ela é maior do que o orçamento do governo federal para a Saúde (R$ 114,8 bilhões) e para a Educação (R$ 109 bilhões)”, observa Juvandia.

Forte concentração

Segundo a The Economist, a concentração do setor é uma das explicações para a grande lucratividade dos bancos brasileiros. O setor é dominado por cinco grandes bancos (Banco do Brasil, Bradesco, Caixa, Itaú e Santander). O artigo destaca que a concentração tem aumentado nos últimos anos, após a compra do HSBC pelo Bradesco e das operações de varejo do Citibank pelo Itaú.

Fonte: SP Bancários


Desenvolvido por Porttal Webdesign

Topo