Celular pode causar câncer cerebral - Sindicato dos Bancários de Itabuna e Região
Home » Notícias » Celular pode causar câncer cerebral
Em 02/06/2011

Celular pode causar câncer cerebral

Celular pode causar câncer cerebral

 

A radiação eletromagnética associada ao uso do celular foi classificada como "possivelmente carcinogênica" e deve ser alvo de mais estudos, segundo avaliação da agência da Organização Mundial da Saúde (OMS) responsável pelo estudo do câncer (Iarc, na sigla em inglês). A conclusão foi divulgada por 31 cientistas de 14 países reunidos em Lyon, na França, para revisar centenas de pesquisas sobre o risco de usar os aparelhos. De acordo com o grupo, a exposição ao celular deve ser incluída como fator de risco 2B.

No grupo 2B estão incluídos agentes "possivelmente" cancerígenos, como alguns produtos químicos de limpeza, pesticidas e chumbo. Esse patamar oferece risco inferior ao grupo 1, no qual as substâncias são certamente cancerígenas, e 2A, com "provável risco para seres humanos".

Defesa
Em comunicado, a associação dos fabricantes de celular disse apenas que "a classificação da Iarc não afirma que celulares causem câncer". Todos os órgãos reguladores dos Estados Unidos seguem na mesma linha, assim como entidades como a Sociedade Americana de Câncer e o Instituto Nacional do Câncer. Muitos pesquisadores dizem há anos que é impossível os celulares provocarem câncer. Os aparelhos, segundo especialistas, produzem ondas de radiação não ionizada que são muito fracas para causar danos no DNA que causem tumores malignos. As informações são do jornal: O Estado de S. Paulo.

 

 


Desenvolvido por Porttal Webdesign

Topo